3.3.15

Kimi o ai Hajimeru Capitulo 1 por Rima-san


Capitulo 1
Tudo começa com o amor

          Era véspera de natal e tinham viajado naquele dia para Hokkaido, era  a primeira vez tanto para Shuji como para Tadashi a andarem de avião, mas Shuji pareceu bem mais empolgado, ficou o tempo todo olhando a vista da janela do avião, ainda que a maioria fosse apenas as nuvenzinhas que  pareciam dissolverem-se e mesmo curta a viagem Tadashi ainda teve tempo para tirar uma soneca no ombro de seu namorado.

      Desembarcaram no aeroporto de Chitose e conseguiram apanhar um Táxi para Sapporo onde ficariam instalados, podiam ver a afluência de neve pelas ruas.
_De onde são os jovens?_ O taxista perguntou curioso enquanto conduzia.
_De Okasa…_ Tadashi respondeu um tanto distraído com a paisagem.
_É uma cidade bonita…_ Comentou abrandando pela fila indeterminável de transito._ Espero que também gostem daqui…também tem sua beleza Sapporo….
_Não precisa de o dizer senhor, tenho certeza que essa viagem a Hokkaido será especial para nós dois._ Tadashi sorriu e entrelaçou sua  á de Shuji, o motorista não entendeu bem prosseguiu caminho até á pousado onde os garotos ficariam  instalados.
         Deixaram as malas no quarto onde ficariam hospedados e saíram para conhecer melhor a região, seria uma viagem apenas de três dias por isso tinham que aproveitar ao máximo, primeira paragem foi numa casinha de chá, beberam o tradicional chá verde acompanhado de umas bolachinhas e desse jeito conseguiram-se aquecer um pouco em virtude do frio que fazia e de regresso á pousada já no finalzinho da tarde pararam numa pequena área onde construíam estátuas em gele, verdadeiras obras de arte que melhor que ninguém Tadashi apreciava e como algumas estavam inacabadas prometeram voltar no dia seguinte para ver se essas já estavam terminadas.
         Jantaram na pousada e seguiram para o quarto, ainda ponderaram um passeio noturno, mas estava tanto frio que preferiram ficar no seu quartinho, estavam os dois sentados na cama, com a coberta cobrindo os seus pezinhos, viam televisão, mas de facto aquele filme não parecia estar a interessar de todo a Shuji, era natal deviam fazer alguma coisa especial.
_Ao fazeres o aluguel não podias ter arranjando um quarto mais refinado? Essa cama range…_ Resmungou e Tadashi o olhou de soslaio.
_Pô…. Devias ficar feliz com o que se arranjou, não posso gastar o dinheiro todo nessa viagem…_ Se ajoelhou de fronte a Shuji pegando a sua mão, contemplando o anel em seu dedo._ Mesmo não sendo grande coisa, parece nossa lua de Mel…._ Riu de si mesmo, achava-se um bobo._ Enquanto tivemos naquela loja de recordações comprei isso, achei tão fofo…_ Retirou do bolso dois porta chaves talhados em madeira._ Se vamos viver na mesma casa acho eu devíamos andar a combinar…_            Suas faces ardiam e visualizou a mão do Shuji pegar um deles para si.
_Mas são lindos mesmo…. Tadashi tu pensas em tudo né?_ Puxou-o para Junto de si num meigo abraço e estalou um selinho na testa do menino.
_Eu…. Estava pensando em comprar uma casa para nós dois…. Uma casa só nossa… _ Virou-se para eles seus fios castanhos cobriam-lhe a face._ Com o dinheiro que consegui da vivenda e já tenho o negócio quase fechado para a compra do apartamento dos meus pais…. Então acho que com esse dinheiro dá para a gente comprar uma boa casa para a gente…
_Eu acho isso uma ótima ideia…. Mas mesmo assim acho que vai continuar a ser tua casa…_ Bagunçou-lhe os cabelos rindo.
_Não dá para chamar pelo menos de nossa casa!_ Refilou fazendo beiço e pulou a baixo da cama._ Ainda falta uma coisa…._ Procurou na sua mala o embrulho._ Teu presente de natal…_ Se esticou deixando os embrulhos em cima da cama.
_Puxa…. Olha eu também trouxe uns…. Da minha mãe e uma pequena lembrança minha…. É que fiquei um pouca nas lonas depois de compras as alianças…_ Coçou a cabeça procurando os embrulhos, os que sua mãe lhe tinha entregado eram iguais, um para ele e outro para Tadashi, como tal decidiram abri-los juntos, cada um tinha recebi um par de meias de Naomi, mas com cartões diferentes, verdadeiras obras de arte de Miyu. “Desculpa meu filho por não te dar uma prenda melhor, é  o primeiro natal que não passamos juntos…. Mas espero que sejas  muito feliz” Era o que dizia o cartão de Shuji, já o de Tadashi tinha uma frase curta. “ Toma bem conta do Shuji, ele ainda é uma criança”_ Tadashi riu e Shuji bem tentou cuscar o que dizia o bilhete mas Tadashi não lho mostrou.
_Vê esses são meus…_ Tadashi pediu e Shuji ficou olhando os embrulhos, Tadashi tinha exagerado de novo nos presentes, logo os abriu, um casaco de fazenda, umas botas e umas calças de sarja._ E aí, acho que te serve…
_Claro que serve mas é muita coisa…. Não precisavas…. Pô eu só tenho um pequeno presente…_ Retrucou baixo olhando as peças de roupa, bem que gostava delas, mas ainda assim se sentia mal.
_ Ah deixa ver…_ Rasgou o papel de embrulho aos bonecos de neve e deparou-se com o caderno de desenho e lápis de carvão._ Nossa… mas eu gostei…_ Segurou o rosto de Shuji com as tuas mãos e estalou um beijo demorado em seus lábios._ Obrigado Shuji…
_Faz um tempo que não te vejo desenhar, eu gosto quando desenhas…_ Admitiu brincando com um dos lápis._ Não é grande coisa… mas quero que lhe dês bom uso.
_Claro que darei…_ Envolveu seus braços em torno do pescoço de Shuji, sentando em seu quadril._ Espero que sejas meu modelo muita das vezes…
_ E tu não queres mais nada?_ Apertou-lhe o traseiro e riu safado.
_Por acaso até quero… quero fazer amor contigo essa noite, pode ser?_ Shuji o envolveu, deitou-o na cama com gentileza olhando aqueles olhos achocolatados mais brilhantes que o normal.
_Com todo o gosto._ De novo suas bocas se encaixaram, seus corpos se emparelhavam e não havia nada de melhor a fazer na noite de natal se não amor.


Nota da postadora: Essa é a segunda temporada de Kimi o Ai shiteru, sejam bem vindos ao primeiro capítulo dessa segunda temporada. ^^"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

Siga-nos no Facebook

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...