19.3.17

Linden Twins ♫ ♬ Capítulo 22 por Mel Kiryu


Capítulo 22

       Jiang encontrou suas roupas pelo chão.
   Quando despertou com os seios de Shiho roçando em suas costas, virou-se percebendo que havia uma colcha cobrindo suave seu corpo e sua reação instintiva ao acordar em meio ao silêncio profundo do quarto, foi procurar Luciel.
     O lado antes ocupado por ele estava vazio.

     Jiang sentou-se na cama, mirando-se no cabelo loiro escuro de Shiho caindo embolado sobre a lateral da face, os lábios dela entreabertos enquanto dormia. Puxou um pouco mais a colcha sobre as costas dela e saiu daquela cama.
     O frescor da madrugada fazia seu corpo desnudo arrepiar-se.
    Foi vestindo as peças conforme achava pelo piso do quarto e usou o banheiro contíguo ao cômodo, também lavou as mãos, o rosto preguiçoso e cabelo bagunçado de sexo.
    Logo que entrou na sala, viu a luminosidade unicamente da TV oscilando na penumbra. Aproximou-se devagar, sob um perturbador suspense e encontrou Luciel sentado no chão, as costas apoiadas no sofá jogando vídeo-game com o volume no mudo.
    As cores do jogo Samurai Warriors 2 projetadas na face emburrada e compenetrada de Luciel, enquanto suas mãos conduziam com ímpeto irritadiço os controles da manete.
    O personagem que tinha selecionado trucidava ainda com mais gana os inimigos no campo de batalha e Jiang suspirou.
   Como o silêncio era intenso e soturno, o suspiro de Jiang ecoou até Luciel que parou de se movimentar no jogo, encarando vago a TV.
    O jogo agora estava devidamente pausado e Jiang sentou-se ao seu lado, perto daquela bagunça de CD's espalhados pelo chão.
__E a Shiho?__ Luciel inqueriu baixinho, ainda segurando a manete.
__Dormindo... O sexo e o licor foram demais para ela.__ Jiang comentou a olhar para Luciel.__ Foi você que cobriu nós dois com aquela colcha, Lu?
__Claro, pô... A madrugada está um bocado fria.
__Sabe... Lamento pelo o que aconteceu com a Tanuki, por toda essa bagunça que ela fez, cara.
__Que se dane a bagunça... Quem teve a brilhante ideia do sexo à três?
__A Shiho, claro... Era isso ou ser chupado por ela aqui no sofá.__ Jiang retrucou num dar de ombros, ironia velada.__ Mas, eu não queria ser chupado por ela, sabendo que você estava mal e sozinho naquele quarto.
    Luciel colocou a manete no chão, bem ao seu lado e mirou-se de soslaio em Jiang.
__Ah, sei... Foi por isso que me beijou? Por que estava "com peninha" de mim?__ Seu falar era um tanto cáustico, embora não levantasse a voz.
    A reação inicial de Jiang foi arregalar o olhar, surpreendido pelo vigor sarcástico destilado por Luciel.
__Jiang...__ E Luciel continuou, menos agressivo.__ Quando eu disse que era você caçar um cara bonitinho... Não estava me referindo a mim, pô! Que beijo foi aquele no meio da transa?
    "Boa pergunta..."__ Jiang cogitou para si e encarou os próprios joelhos dobrados diante de seu corpo.
__Eu não sei bem, Lu... Achei que o único homem que me despertasse essas estranhas vontades, fosse o Syaoran.__ Jiang replicou um tanto envergonhado.__ Mas, de repente... No meio daquela transa contigo e a Shiho... Eu percebi que... Era você que me excitava.
    Ao dizer "Era você que me excitava", sua voz ficou ainda menor.
__Não gostou do beijo?__ Jiang respirou fundo antes de perguntar.
__Fala sério... Eu gozei dentro da boca dela feito louco durante aquele beijo.
    O tom de Luciel era displicente, precisava encobrir como tinha sido assustador ter gostado de todo aquele sexo, o beijo que o tinha feito gozar.
__Quer dizer que anda mesmo aprendendo umas coisinhas com Syaoran?__ Luciel se debruçou nos próprios joelhos a mirar-se compenetrado em seu amigo.__ Jiang, você mesmo tinha dito que não estava namorando com ele... Aí você me envolve! Que raios anda passando na sua cabeça?
__Eu pensava que não... Mas, tenho tendências bissexuais como o Huang, o que não significa que eu queira namorar o Syaoran! Você fica mesmo tão incomodado em pensar que eu possa estar namorando outro cara?
__Não estou falando de um cara qualquer... Só acho que você vai se machucar caso se meta com o namorado do seu irmão. Imaginou a merda que vai ser se o Huang aparecer? É com ele que o Syaoran vai embora, Jiang!... Você quer mais esse sofrimento para você?
__Eu não 'tô me iludindo, 'tá legal?__ Agora o tom de Jiang é que soava bravo, embora só tivesse elevado um pouco a voz.__ Só é como se eu estivesse me descobrindo... Sabe o quanto é confuso perceber que até mesmo seu melhor amigo te atrai?
    Luciel deitou de lado a cabeça sobre os próprios joelhos flexionados diante de seu corpo, ainda mirava-se circunspecto em Jiang que igualmente mantinha seu olhar sobre ele naquela aconchegante penumbra, apenas iluminados pelas cores do gráfico do jogo pausado na tela da TV.
__Está tentando me dizer que olhar para mim te excita?
__Eu não sei... Agora, neste instante... Quero olhar para você como meu velho amigo Lu.
__Sabe o que eu faria?__ Luciel sorriu sem mostrar os dentes, seu cabelo fino dependurado com aquela sutileza habitual.__ Eu lamberia o clitóris daquela garota na minha cama, só pra
gente partir para o segundo round do sexo à três.
    Jiang riu, apreciando a safadeza no olhar do amigo.
__Sério? Pensei que tivesse ficado perturbado com o que rolou no sexo à três.
__Eu não disse que o sexo foi ruim, disse?__ Luciel provocou.
__'Cê 'tá falando sério mesmo?__ Jiang inqueriu e riu baixo com uma ponta de incredulidade na voz.
__Eu topo tentar despertar a Shiho... Você não?
    O pensamento que atravessou Jiang é que não precisava despertar a Shiho... Os dois tinham tudo que precisavam dentro daquela sala em meio a doce penumbra.
    Mas, será que Luciel aceitaria sua maneira de pensar?
    Por via das dúvidas, era melhor vivenciar uma loucura de cada vez.
__ Quer fazer isso agora, Lu?__ Jiang inqueriu com meiga perversidade.__ Temos que trabalhar ainda hoje, daqui a algumas horas...
__E você acha que dá para voltar para minha cama e dormir com aquela garota nua ao meu lado?...__ Luciel refilou.__ Vou é meter minha pica nela antes que eu mesmo me dê conta! É isso... Ou jogar vídeo game até cair de sono.
__Acho que tenho uma ideia melhor...__ Jiang retrucou para si, a titubear em sua decisão.__ Vamos jogar uma partida e o vencedor decide o que será feito do resto da noite...
   Luciel riu, pensou algo como: "'Tá no papo!"__ Adorando a ideia.
__Quer dizer, se eu ganhar...__ Luciel cogitou, parecia um anjo com sorriso perverso naquela penumbra.
__Pode lamber o clitóris da Shiho... E eu topo o sexo à três.
__Ah, sinto muito... Já perdeu, Jiang.
__Acha mesmo, Lu?__ Jiang também riu e estalou os dedos, o som dos ossos das mãos estalando num segundo se propagou pela sala escura.__ Isso veremos...
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi! (◍•ᴗ•◍)
Veio comentar?
Cada autor desse blog recebe um imenso incentivo a cada comentário.
(Comentários anônimos também são bem vindos ^^")
Agradecemos sua opinião! ٩(๑•◡•๑)۶
Mas, se for apenas comentar sobre erros de gramática, isso é dispensável.

o
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...